UNESCO reconhece Cante Alentejano como Património Cultural Imaterial da Humanidade!

Mais uma vitória para a lusofonia!

Depois do reconhecimento da Capoeira, hoje foi a vez do Cante Alentejano receber a declaração da Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO) a cerca da sua nova posição a nível mundial.

Tradicional da região do Alentejo, Portugal, o Cante é um “canto coral, em que alternam um ponto a sós e um coro, havendo um alto preenchendo as pausas e rematando as estrofes. O canto começa invariavelmente com um ponto dando a deixa, cedendo o lugar ao alto e logo intervindo o coro em que participam também o ponto e o alto. Terminadas as estrofes, pode o ponto recomeçar com um nova deixa, seguindo-se o mesmo conjunto de estrofes. Este ciclo repete-se o número de vezes que os participantes desejarem. Esta característica repetitiva, assim como o andamento lento e a abundância de pausas contribuem para a natureza monótona do cante.” Fonte da citação: Wikipedia

Hoje homenageamos o Cante Alentejano com uma música de um alentejano orgulhoso, António Zambujo, acompanhado de um grupo de cantadores:

Mais da Aldeia

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *