Mallu Magalhães – Cena

Vou fazer cena, amor
Pra ver
Se vale a pena a dor
Só pr’eu ser tema desse teu compor.

Não sou assim, amor
Foi só
Uma maré ruim,
Perdoa o drama,
E não desiste de mim.

Você quando chamou, eu não pude ir,
Eu tive muito medo na hora
E hoje eu sou culpada.
E eu, que fico à flor da pele
Sem querer,
Eu tenho um coração vulcânico
E sempre acabo errada.

Não, não diga que eu lhe trato mal,
Eu tento tanto te fazer feliz,
Mas acontece qu’eu sou desastrada.
Não, eu nunca quis te machucar,
Prometo pra você deixar de cena,
Acho que eu só quero ser amada.

Vou fazer cena, amor
Pra ver
Se vale a pena a dor
Só pr’eu ser tema desse teu compor.

 

Mais da Aldeia

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *